eKonomia

Gerir melhor o seu dinheiro

Ter o nome no Banco de Portugal : Central de Responsabilidades de Crédito

O Banco de Portugal, por entre outras competências, supervisa as instituições de crédito e as sociedades financeiras. A sua missão é de aumentar a confiança entre os clientes e as entidades financeiras, regulando o mercado, criando regras que visam ao bom funcionamento do sistema financeiro português. Um dos instrumentos do Banco de Portugal para conseguir as suas missões é a Central de Responsabilidades de Crédito, à CRC. Este instrumento permite verificar muito simplesmente se uma pessoa ja contraiu algum crédito, e se têm a capacidade de pagar por um novo crédito. Quando se “têm o nome” no Banco de Portugal, entende-se que a pessoa não pode mais contrair créditos, tendo ficado na “lista negra”.

Antigamente, não havia maneira eficaz para um banco de verificar se alguém que lhe pedisse um crédito estava com dividas. Esta situação provocava muitas vezes situações de sobreendividamento, por vezes muito dificeis de recuperar. Hoje em dia, o Banco de Portugal têm informações centralizadas sobre cada pessoa em particular, permintindo obter muito rapidamente dados sobre a sua capacidade de endividamento, e se pode obter um novo crédito.

Central de Responsabilidades de Crédito

Esta “central” não é mais do que um grande ficheiro, onde cada pessoa que recorre ao crédito é inscrita. Os bancos, as sociedades financeiras transmitem  à Central de Responsabilidades de Crédito as diferentes informações relativas aos créditos contraidos, mas também os incidentes de pagamento. Se tiver o seu nome inscrito na CRC como sendo uma pessoa que não paga os seus créditos, é impossivel depois obter um crédito noutro sitio.

É um ficheiro que protege assim as instituições financeiras, para que não se possa contrair um empréstimo em cada banco que depois não podera ser reembolsado, mas que também protege o particular, contra por vezes a sua propria irresponsabilidade, impedindo-o de contrair empréstimos que não pode pagar e ficando assim em situação de insolvência singular. Todos os bancos e todas as sociedades financeiras consultam os registos do Banco de Portugal antes de concederem um empréstimo, precisamente para verificarem se o futuro cliente pode pagar o que pede.

Resumindo, a Central de Responsabilidades de Crédito reune o conjunto dos créditos de uma pessoa, com os montantes à pagar, os eventuais incidentes de pagamento e processos de insolvência singular, o que provoca automaticamente um alerta em toda a instituição de crédito.

A CRC pode ser assim uma “lista negra” de “maus pagadores”, que têm infelizmente vindo a aumentar nestes ultimos anos, muito por culpa da crise. Os bancos, no momento de fazerem o empréstimo, poucos lhes interessa de saber porque o cliente ficou registado no Banco de Portugal. Não é preciso dizer que foi para pagar um divorcio ou porque alguém ficou doente. O banco, no momento de emprestar dinheiro, vai ver unicamente uma coisa: se o cliente pode pagar todos os meses a sua divida. Estando inscrito no Banco de Portugal, a resposta é “não”.

Felizmente, não se fica logo inscrito no Banco de Portugal logo à primeira prestação não paga. Acidentes pontuais acontecem, e esquecimentos também. Quando é assim, o banco ou a sociedade financeira comunicam primeiro com o cliente, para saberem porque não pagou. Se a situação for regularizada, não ha problemas de maior. Se no entanto, a situação de não pagamento da divida perdurar, por um ou mais meses (a paciência de um banco sendo variavel), o cliente devedor corre o risco evidente de ficar inscrito no Banco de Portugal.

Listagem de Utilizadores de cheque que oferecem Risco, LUR

Existe outra maneira de ficar com o seu nome inscrito na lista negra do Banco de Portugal. Basta passar cheques “em branco”, sem dinheiro no banco para pagar o cheque. Quando um cheque não têm provisão, a pessoa que recebe o cheque sem dinheiro pode pedir a inscrição do “mau pagador” no Banco de Portugal (o banco destinatario do cheque trata geralmente de o fazer). Esta inscrição é feita na LUR, a listagem de utilizadores de cheque que oferecem risco.

Deste modo, qualquer entidade bancaria pode verificar se um particular ja passou cheques em branco, e assim recusar os cheques para o inscrito no Banco de Portugal. A pessoa que utilizou indevidamente os cheques fica inscrita por 2 anos à LUR, podendo o prazo ir até 6  anos, por decisão do tribunal. Uma pessoa é considerada em falta quando não regulariza no prazo de 30 dias à seguir ao aviso do banco o seu cheque sem provisão.

Consequências de ter o nome no Banco de Portugal

Quando se esta inscrito na CRC, não se pode contrair mais créditos. Também não pode recorrer aos cartões de crédito, devendo utilizar cartões de débito imediato.

Quando se esta inscrito na LUR, fica-se proibido como é obvio de passar cheques. As instituições de crédito ficam informadas deste facto. Mesmo que o cheque sem provisão não tenha relação com o não pagamento de um crédito, as sociedades financeiras ficam alertadas para o facto que o cliente não pode honrar à uma dada altura os seus compromissos, o que não abona em favor do cliente na altura de pedir um empréstimo ao banco. Na teoria, pode sempre obter um crédito se estiver na LUR, mas na pratica é muito mais complicado…

Como saber se têm o nome no Banco de Portugal?

Em principio, a pessoa que ficou com o nome no Banco de Portugal é informada de tal facto. Para confirmar, basta fazer um pedido por escrito ao Banco de Portugal ou então dirigir-se a um balcão de atendimento do Banco de Portugal.

O Banco de Portugal pode assim lhe fornecer um “mapa de responsabilidades de crédito”, onde figura todo o seu historial, os créditos correntes, e os nomes das entidades que provocaram o registo negativo no Banco de Portugal. Este mapa é confidencial, não podendo existir nenhuma empresa ou credor que possa ter acesso ao mapa.

Como ter um crédito estando inscrito no Banco de Portugal?

Existe alguns aldrabões que se encontram na Internet que prometem que conseguem obter um crédito, mesmo estando inscrito no Banco de Portugal. A palavra “aldrabão” não é forte que baste para designar essas pessoas que aproveitam-se da miséria das pessoas. Existe uma unica maneira de obter um crédito em tal condição: não estando inscrito no Banco de Portugal.

Outra solução para obter um crédito quando se têm o nome no Banco de Portugal, é fazer um emprestimo a um particular. Unicamente um particular que conheça bem o caso da pessoa que ficou com o nome no Banco de Portugal pode fazer confiança e emprestar dinheiro apesar de tudo.

Tirar o nome do Banco de Portugal

Para tirar o nome dos registos negativos do Banco de Portugal, nada mais facil, e nada mais dificil: basta pagar as dividas que provocaram o registion no Banco de Portugal. Logo que a entidade bancaria receber o dinheiro, ela têm que comunicar ao Banco de Portugal que o cliente não é devedor. A CRC é actualizada mês à mês. O historico de uma pessoa não é disponibilizado pelo Banco de Portugal às instituições financeiras, que podem unicamente ver os dados mais recentes, o do ultimo mês.

Para “limpar” o nome do Banco de Portugal, o melhor é estabelecer um plano de pagamentos, em acordo com os organismos credores. Esse novo plano de pagamentos, renegociado, vai permitir levantar o registo no Banco de Portugal, mas sera necessario respeitar o plano à risca. Este plano pode permitir por exemplo consolidar créditos, para ter mais tempo para pagar as dividas.

Para tirar o nome da LUR – proibição de passar cheques

Antes de mais, é preciso regularizar todos os cheques em falta. So assim é que pode esperar sair do periodo de 2 anos de inscrição da LUR antes do tempo. Uma vez que todos os cheques estiverem pagos, deve-se pedir ao banco que procedeu à inscrição no Banco de Portugal a remoção da LUR. Se caso não for possivel passar pelo banco, pode-se então ir directamente ao Banco de Portugal para fazer o pedido para não constar da listagem. Para além de provar que todos os cheques foram pagos, precisa ainda de justificar ao banco porque razão precisa de cheques. Não existe outra solução, a não ser a de esperar pelo fim do prazo legal de dois anos.

Na eventualidade de não ser responsavel pelos cheques sem provisão, como por exemplo uma pessoa que fizesse os cheques sem a devida autorização, deve-se provar junto do banco esse facto.

O essencial quando uma pessoa começa a sentir dificuldades financeiras, é não deixar que piore. Nunca fazer um crédito para pagar uma divida! Pensar logo em consolidar os emprestimos, pensar logo em renegociar caso seja possivel os prazos de reembolso. Não existem milagres, infelizmente, para a falta de dinheiro.

156 commentários para “Ter o nome no Banco de Portugal : Central de Responsabilidades de Crédito”

  1. Maria Ferreira says:

    Gostaria de saber durante quanto tempo ficam com os registos de creditos que nao foram pagos, ficara registado para sempre ou passados alguns anos acabam por ser retirados
    Obrigada

  2. Jorge Silva says:

    Boa tarde, tenho o meu nome no Banco de Portugal lista negra, tenho valores pendentes que até poderia pagar ou renegociar com as entidades bancárias, mas tenho um valor de remanescente de um crédito habitação que o BES já tem a casa em poder dele, eu não tenho casa já, e de remanescente está a pedir mais que o valor da casa e eu não vou conseguir pagar um valor de 300 euros de remanescente de uma coisa que já não tenho. Já não tenho nada a penhorar, no mapa de responsabilidades diz que a dívida está regular, mas eu nunca paguei nada porque não tenho dinheiro para pagar por uma casa que não existe. Esta divida vai ficar sempre no CRC até morrer?

    Obrigado

  3. Marco Ornela says:

    Por favor, a 4 anos atrás por força das circunstâncias sai de Portugal devendo 1000eur no meu cartão de crédito. Pretendo voltar e negociar este valor, mas a principio qual o risco que corro neste momento? Consigo negociar ou já tenho algum problema sério com a justiça? Agradecido se me responderem por email.

  4. helena mafalda says:

    Bom dia

    Tenho o nome no banco de Portugal por créditos mal parados. Tenho possibilidade de ganhar mais dinheiro para paga-los mas a entidade que me emprega , contrata-me se me pagar através de empresa. posso abrir empresa?
    e conta empresa num banco?

  5. Ana Paula says:

    O meu namorado a uns anos passou um cheque que não tinha cobertura a um banco de crédito. A situação ficou resolvido com o banco mas ele perdeu o cheque devolvido. O nome continua no banco de Portugal. O que fazer para sair desta situação? Obrigado

  6. pedro says:

    Sou imigrante na belgica faz anos tenho creditos so que por razoes pessoais tive que vir de urgencia pra portugal mas ja nao tou dando comta de pagar os 2creditos o que acomtece se nao pagar eles da belgica penhoram meus bems em portugal ou bloqueiam minha comta aqui em portugal pois tou sem dinheiro lra nada mas tou com medo de perder tudo aqui por cauza das dividas na belgica .agradecia que me ajudase damdo um resposta obrigado

  7. LR1 says:

    Bom dia
    Por problemas financeiros tenho o meu nome na lista negra.
    Estou separada do meu marido ha tres anos ele vive na Europa.
    Arranjei emprego e quero saber o que fazer para regularizar a minha situação.
    Alem disso posso abrir conta num banco para receber o ordenado por la?
    Obrigada

  8. Davide Marques says:

    Olá boa tarde…O meu caso tinha uma casa com a minha ex esposa a qual deixamos de pagar por impossibilidade financeira ,ela pediu insolvência a qual já foi dáda …e está a ser paga …Sou obrigado a pedir também insolvência ou neste caso não será necessário visto a situação estar resolvida em relação aos pagamentos mensais…Gostaria que me informassem …Obrigado

  9. Graciete says:

    Boa tarde.Resido na Inglaterra a 10anos.Deixei dividas em Portugal.Esta semana,quando fui so consulado portugues para tratar do meu cartao de cidadao e renovacao do meu passaporte foi recusado…o funcionario disse que talvez fosse porque Deixei dividas em Portugal ou talvez tenha algorithm em tribunal…e possible ISso acontecer?O que devo fazer?Obrigada.

  10. vera says:

    boa tarde, gostava de saber se por acaso entregar um imovel ao banco, do qual nunca falhei nenhuma prestação, se por acaso poderei voltar a fazer novo empréstimo para a aquisição de outro imovel ou se por acaso pelo simples facto de ter entregue um imovel o meu nome fica no banco de portugal e nao me poderão fazer novo empréstimo.

  11. Dr says:

    Boa noite pessoas que vom para outro pais seja Europa ao nao Europa o estado portugues que seja bancos ao financeiras nao podem obeter
    dados DOS devedores no estrangeiro quer dizer nao e nunca bom poder Cançelar ordenados ao Contas noutros pais isso podem estar descansados.
    Todos pessoas que arreceber cartas das finanças de portugal podem tambem escrever uma carta para as finanças de portugal a dizer que estao despostos a pagar a divida seja selo ao dividas da segurança social
    nem que seja 20 euros por mez mais tarde pode vir dar problemas seja quando regreçar ao seu pais de vez pode ser depois 30 anos vai ter que pagar .

  12. luis says:

    Boas!
    Vivo à quatro anos em Franca onde trabalho e tenho residençia, depois de vir em 2011, nao regressei a Portugal e nao tenho qualquer bem no meu Pais de origem .Este ano fui à embaixada fazer um novo cartao de cidadao e actualizei a minha morada ! Depois recebi uma cartinha (lol)da AT para pinhora de bens em execucao fiscal, e estando tb inscrito o meu nome na lista CRC !!!pergunta????
    Serà possivel que me pinhorem bens ou contas no meu pais de residençia!???
    Se sim,quanto tempo leva de a decisao do tribunal até à data da pinhora ???
    Se nao, serà que terei problemas se for a Portugal ou em termos de documentos ou na reentrada em Portugal???
    Agradeço que me respondam o mais rapidamente possivel!

    Ps:Em todo caso mais um ano e peço cidadania Françesa,se me ” tocarem ” aqui tb,adeus, PODRE E POBRE EUROPA! OLA CANADA, BRASIL e guardem os 200euros de reforma para encher as nadegas aos corruptos, que esses andam à solta e de frigorifico cheio!

    OBRIGADO!E um abraço a todos TUGAS que como eu foram obrigados a sair do Pais porque infelizmente PORTUGAL JA NAO E DOS PORTUGUESES!

    E BEM VINDOS à ESCRAVATURA MODERNA !

  13. santos says:

    Boas
    Eu tenho um credito pessoal em portugal,
    Minha esposa ficara desempregada e nao sei se consigo continuar pagando,
    Isso pode ir para o Banco de Portugal,
    Eu moro e trabalho na Belgica, corro o risco de bloquearem minha conta e retirarem o valor do meu ordenado como fazem com aqueles que recebem seus ordenados em bancos em Portugal?
    Oque pode acontecer realmente?
    Agradeço imenso
    Cumprimentos

  14. antonio silva says:

    tenho dois cartoes jumbo e worten atraseime em duas prestaçóes o meu nome esta no cr agora esta tudo em dia quanto tempo demora a sair no banco de portugal como cr?abraço

  15. Rosa says:

    Tenho o meu nome na crc por um crédito pessoal que não estou a conseguir pagar por situação de desemprego. Conseguem me explicar melhor sobre a situação de ser impedida de utilizar o cartão de credito? Estou à espera de um dinheiro que cairá na minha conta e que dará para liquidar a dívida, log de seguida poderei uzar o cartão em compras ou até levantar dinheiro?

  16. duarte says:

    ola boa tarde . o meu caso e o seguinte ha 15 anos meu irmao tinha o nome sujo e pediume para comprar um carro em meu nome eu com a boa fe fiz esse favor logo de seguida emigrei para o estrangeiro e agora ao fim de 15 anos veio uma carta de portugal aqui para estrangeiro a dizer para pagar uma x quantia um pouco alta porque o meu irmao nao pagou e trocou por outro carro sem minha assinatura falei com ele para pagar uma prestacao por mes disse que nao paga que rica familia xd a questao e o seguinte nao tendo contas em portugal podem eles bloquiar as contas no estranjeiro sendo pais europeu . gostaria que me responde sen . muito obrigado abracos

  17. Suzana says:

    Ola.Necessito de concelhos p.f.
    Infelizmente tive problemas financeiros em Portugal, a unica solucao no momento foi sair do pais e tentar uma vida nova para depois os poder resolver.
    Tem sido mto dificil comecar do 0, mas tenho esperanca q melhore.
    Abandonei a minha casa, consequentemente o fiador esta com o problema; deixei uma divida de cartao de credito a um banco…Aconteceu a 4 anos atras.
    O meu passaporte caducou r tenho medo de ir ao consulado portugues porque nao queria dar a minha morada actual e tenho receio de ser recusada o passaporte.
    Necessito de ir a Portugal por razoes familiares e tenho receio de ser parade ou presa no aeroporto.
    Agradecia imenso informacao sobre o meu caso.
    Obrigada

  18. inacio da silva says:

    ola, um bom dia a todos. Voces sabem que em portugal so teem chance aqueles que roubam milhoes esses nem pensar entrar na lista negra. Sao conciderados senhores dos milhoes. Vejam o que se tem passado com o BES .Muitas pessoas estao na miseria mas os responssaveis do ex BES vivem na maior. O que fizeram a tanto dinheiro? Por uma pequena ninharia, um pobre fica logo na lista negra Eeste bom Portugal que nos temos, gerido por politicos inconscientes que nao teem dor nem piedade por quem e pobre. muita miseria a em portugal os governantes que tenham vergonha da sua politica infeliz. Mas e sempre o pobre que paga a maior fatura…

  19. Manuel says:

    Bom dia. Gostaria que me ajudassem a resolver um problema que tenho á vários anos no Banco de Portugal.
    Tive um carro que comprei a credito na financeira Tecnicredito, o qual liquidei em 1997 com um funcionário desta financeira a dinheiro liquido, o qual recebi um recibo da quantia liquidada.
    Fui para o estrangeiro trabalhar e em 2007 regressei a Portugal, necessitei de fazer um empréstimo para juntar algum dinheiro que já trazia para construir uma moradia, qual não foi o meu espanto quando o Banco que me dirigi me disse que o credito não tinha sido aprovado por ter problemas no Banco de Portugal.
    Fui ao banco de Portugal saber o que se passava e me disseram que tinha uma divida com o Banco Banif.
    Pois nunca tendo eu conta neste banco fiquei muito admirado.
    Então fui a um balcão do Banif, saber o que se passava me explicarão que tinha uma divida que tinha sido contradita da Fusão com a Tecnicredito.
    Eu expliquei que tinha pago essa divida a um funcionário, me pedirão o recibo.
    Ai começou o problema porque eu em 2005 vim a Portugal e queimei todos os documentos que já tinham passado 5 anos onde incluía esse recibo.
    Pois também nunca recebi nenhuma notificação de ambos os bancos nem depois de ter pago a divida em 1997 nem depois de 2007 ter ido ao Banif para liquidar essa divida.
    Mas o meu nome continua na lista devedores do Banco de Portugal, quais as minhas chances com o Banco de Portugal para limpar o meu nome.
    Obrigada
    Manuel

  20. Andreia Ribeiro says:

    Boa noite,

    Gostaria de saber se, depois de regularizada um penhora qu tive no ordenado, é possível voltar a pedir um empréstimo?

    Terminei de pagar todas as minhas dividas à cerca de 2 meses (uma das quais resultou em penhora de ordenado).

    Depois de pagarmos tudo aquilo que devemos o nosso nome volta a ficar ‘limpo’?

    Fico a aguardar respsta.

    MC

  21. Alicia says:

    prezadas senhoras e senhores

    sou estrangeira, residente a 30 anos em Portugal.
    Meu marido faleceu no ano passado e me deixou apesar de dividas nada. Tenho 66 anos e assinei um credito num banco, que agora com os juros ja tem 16.000 Euros.
    Meu filho e eu reijeitamos a heranca que eram so dividas.

    O banco agora mandou uma carta pelo tribunal citacao apos penhora postal. Eu nao tenho bems, nao dirijo carro e nem tenho moveis.

    A minha pensao em Portugal e de 187 Euros por mes.
    Na alemanja e de 836 Euros.

    Pode ser a minha conta na Alemanha ser penhorada por a institucoes portugueses?

    A questao e que estas dividas fez o meu marido. Na Alemanha ser fiadora num caso assim para a esposa nao conta.

    O que devo fazer? Negociar com o banco e pagar 20- 50 Euros a minha vida toda?
    Eu faria ist se o meu nome ficava limpo…. mas seriam a pagar para uma viuva as dividas de um marido que gastou o dinheiro irresponsavel.
    E uma questao de etica e de fair play…

    Agradeco sua resposta A.

  22. Jorge Soares says:

    Boa tarde
    Como vai o meu País! desta forma junto-me aos que se encontram com a pulseira electrónica do Banco de Portugal, dei conta que o meu nome constava no Mapa de Responsabilidades de crédito no ano de 2005 quando precisei de efectuar um negócio contribuindo para o desenvolvimento da económico do meu País.
    Não contraí divida com a credora que forneceu os meus dados pessoais ao Banco de Portugal.
    Nunca recebi qualquer informação, notificação, ou conhecimento por parte da credora.
    Enviei carta para a credora para que me fornecesse documentação relativa a dívida contraída, não me foi fornecida.
    Através de um telefonema para que se diz credora, fui atendido por uma funcionária que, sobre o assunto me informou que se tratava de uma dívida contraída em meu nome no ano de 1999, e que foi reportada ao Banco de Portugal no ano de 2003, (Nota: no ano de 1999 a 2002, vivi e trabalhei em Inglaterra), perguntei-lhe porque não me enviaram documentação que solicitei, esta respondeu-me que a dívida era de 9 mil e tal euros mas, que com 2.500 euros resolveria o problema.
    Pedi-lhe que me fornecesse o número do processo, respondeu-me que não havia processo, mas, que tinha 20 anos para me processar.
    Perante esta situação, reportei o assunto à Comissão Nacional de Protecção de Dados, esta respondeu-me, informando-me que os meus dados não estavam em conformidade e, aconselhou-me a enviar uma carta registada com AR à credora, a solicitar a rectificação dos meus dados pessoais nos termos do artigo 11 º da Lei 67/98 de 26 de Outubro, foi o que fiz em 2 de Setembro de 2013, e se após esta diligência o problema não fica-se resolvido, devia formular uma queixa contra a entidade em causa.
    O problema não está resolvido, e eu não tenho direito a apoio judiciário por uma diferença de 33 euros anuais, não tenho dinheiro para advogados porque não chega para tratar a doença oncológica, da minha esposa.
    Esta é a justiça do meu País, tenho medo de me transformar num Justiceiro, assim faço um apelo a quem de direito, e mais não posso fazer.
    Obrigado por me aturarem, o preso do sistema – Jorge Soares

  23. LIA says:

    Ola…tenho varias perguntas…
    tenho 2 grandes dividas no BP….o meu ex-mrido deu-se como insolvente o ano passado e eu quero voltar para portugal
    nunca vou conseguir pagar isto.. podem vir ao estrangeiro atras de mim? ou mexer na minha conta fora do pais? ou ser presa quando viajar para Portugal? Qual a melhor solucao para mim ?
    Agradeco a vossa ajuda e ideias para e-mail,
    Obrigada

  24. Daniela says:

    Boa noite

    O meu namorado tem creditos um dos quais ja virou penhora. Tem o ordenado penhorado.
    A minha duvida é se algum dia vou conseguir emprestimo para comprar casa visto que ele tem o “nome sujo”. Não me dao emprestimo se pedirms em conjunto? Apenas o meu ordenado não chega para credito habitação.
    Obrigado

  25. Antonio Sousa says:

    Bom dia. deparo-me com duas situações no banco de Portugal
    1.ª em 2010 entreguei a minha casa ao banco devido a problemas financeiros, foi resolvido litigiosamente, e fiquei com 1/3 do ordenado penhorado até pagar o remanescente. Ora desde essa data que me sai todos os meses um valor do ordenado, mas esse remanescente aparece em mora no banco de portugal como crédito abatido ao activo e não como crédito á habitação que era o certo.. ( podem fazer isso e como pago todos os meses é correto o meu nome ainda constar lá)

    2.ª tive em 2004 uma conta ordenado no Montepio, que ficou um descoberto de 1000€, esse descoberto foi vendido a uma empresa. Podem agora em 2014 me cobrar esse montante, não á prazoa de prescrisão

    obrigado

  26. Nuno Abrantes says:

    Boa tarde,

    Tenho uma divida por saldar em Portual de um cartao de credito, estamos a falar de cerca de 3500 euros.

    Por bastantes dificuldades financeiras eu tive de emigrar, nao estou na europa, a minha questao seria a de se a instituicao financeira me pode vir a causar problemas no estrangeiro?

    quasis serao as implicacoes, poderei ficar sem direito a minha reforma mais trade?

    Se me poderem responder por favor facam para eu poder ver quais as melhores opecoes

    Obrigado

    Nuno

  27. Jorge says:

    desde 2000 que me encontro a viver no estrangeiro.. regressei agora a Portugal.. Quanto parti deixe de pagar uma divida ao BCP.. 14 anos depois gostaria de saber se o meu nome se encontra ainda no banco de Portugal, e se assim for por quanto tempo mais

    Obrigado

  28. Luzia Larger says:

    Sou avalista,e a empresa a qual sou,esta em insolvencia!
    Posso abrir uma conta no nome da minha empresa,que vou abrir?
    Att.
    Luzia

  29. Luisa says:

    Boa noite,
    É possível abrir nova conta bancária, estando em processo de insolvência?
    Pode responder para o email.
    Obrigada.

  30. Mota Araujo says:

    Fui fiador de um casal amigo para compre de uma casa.
    Ele pediu também dinheiro para obras que nunca realizou.

    Deixou de pagar o crédito, penhoraram-me os móveis pois eu não possuo mais bens e colocaram-me na lista negra do BP.

    O banco ficou com a casa mas ainda falta pagar cerca de 40 mil euros e continua a crescer devido aos juros…

    A pessoa de quem foi fiador, nunca disse que não pagava, mas nunca pagou.
    Ele está reformado do estrangeiro e vive opulentamente, grandes carros, luxos, viagens, etc.
    Soube há pouco que tem tudo no nome de um cunhado.

    Pedi a reforma antecipada e disseram-me que ela iria directamente para o abatimento da dívida.

    Fazer justiça pelas próprias mãos, além de ele merecer, não o farei… mas não sei que fazer.

    Podem ajudar por favor, se possível info por MP.
    Obrigado

  31. Miguel says:

    Bom dia,

    Gostava de saber se um imigrante português, que esta fora do pais e fora da comunidade europeia, que deixou uma divida de 2000€ para pagar de um cartão de credito, se poder ser procurado fora do pais por essa divida?

    Segunda Pergunta, eu posso entrar em Portugal com a nova nacionalidade adquirida no pais para onde imigrei, mesmo assim posso ter problemas ao entrar em portugal??

    Terceira pergunta, se quando chegar a minha idade de reforma, a mesma pode ficar confiscada?

    Se eu fizer a renovação do cartão único isso terá algum risco para mim, a minha divida ao banco terá alguma ligação ás finanças?????

    Se me puderem responder as minhas questões eu agradecia.

    Só para adicionar,eu deixei de fazer impostos em Portugal após ter saído, e não tenho qualquer bem em meu nome em Portugal

    Obrigado

  32. Jose Silva says:

    Boa tarde fui lesado por um funcionario da CGD devolve um cheque da firma estou no banco de Portugal á tres anos Tenho um emprestimo no banco deixei de pagar os juros Até agora o banco nunca mais me disse nada. A firma deixou de trabalhar O banco tem toda a garantia mas não faz nada porque sera

    >O gerente culpado continua a trabalhar PORQUê

  33. andre says:

    boa noite tenho 2 dividas de empréstimos para carros que deixei de pagar por dificuldades financeiras…entretanto emigrei jà hà 5 anos e gostaria de saber se posso ser preso?Pois nao tenho nada em Portugal para me penhorarem…se me podem vir tirar bens aqui no estrangeiro ou se até me podem vir bloquear a minha conta?Continuo sem puder pagar pois é uma soma elevada…gostaria que me podessem responder para o meu mail pois passam a vida a dizer que quando for a Portugal a policia me prende
    Agradecia ajuda o mais ràpido possivel pois estou num beco sem saida
    Obrigada andre ferreira

  34. flavio costa says:

    fui declarado insolvente com exoneraçao do passivo restante, gostaria de saber se posso abrir conta bancaria pois preciso de receber o ordenado.

  35. Diamantina Barracosa says:

    Gostaria de saber quais as implicaçoes de ter o meu nome na lista do BP, isto porque tenho uma prestaçao em atraso que a instituiçao, nao lançou no dia certo, em que havia dinheiro, e depois, cairam outras despesas e nao consegui durante o mes repor o valor para sacarem a prestaçao fora da data. Acontece que já falei, com alguma dificuldade, para lá e deram-me até 31 de março á 1h para liquidar,caso contrario mandam para o banco de portugal. Acontece que nao vou poder pagar, dadas as circunstancias actuais, está tudo na mesma. O meu ordenado entra a 23, e este mes ainda nao veio, o subsidio de ferias foi pedido no inicio de março, para fazer face a estas despesas, ainda não veio. Há mais de 20 anos que trabalho com creditos, e nunca houve problemas, mas agora e por um credito ao consumo relativo a alimentaçao, e por uma prestaçao de 190 euros que nao estao dispostos a aguardar,irei ter o nome na lista negra do BP. Queria saber se me vejo privada de utilizar, novos creditos ou mesmo de utilizar os meus cartoes de credito? E durante quanto tempo isso vai acontecer e como será para pedir novos créditos no futuro.

    Agradeço a vossa resposta por e-mail o mais rapido possivel.
    Obrigado

  36. Ana says:

    Gostaria de saber se posso abrir uma conta à ordem num banco, tendo dívida noutro e o nome no Banco de Portugal. Resposta por mail p.f.

  37. Margarida says:

    Bom dia,
    Mora no Reino Unido, recebi uma conta das finanças para pagar em nome do meu marido.
    A minha pergunta é a seguinte:
    Podem as finanças penhorar bens aqui no Reino Unido, tais como ordenados, contas bancárias ou o meu carro?
    A minha casa é arrendada, e vivo de subsidios aqui, pois só eu tenho trabalho e omeu marido está sem trabalho.
    Por favor respondam com urgência se possivel. Obrigado

  38. Maria says:

    Gostaria de saber se posso abrir uma conta à ordem, num banco tendo uma divida noutro?
    Obrigada.
    Agradecia resposta por mail.

  39. maria silva says:

    Boa tarde tenho uma divida no banco de portuga quero pagar sem ter de me deslocar lá como posso fazer. obg

  40. Pedro says:

    Boa tarde,

    Tinha um divida no cartão de crédito por litigio com o banco o que levou ao meu nome constar no BdP. Essa divida foi regularizada e inclusive a conta nesse banco foi cancelada, sendo que já não aparece no mapa de CRC do BdP. Gostaria de saber se futuramente pretender adquirir um bem a crédito, terei acesso ao mesmo ou a informação do meu incumprimento anterior fica registada em mais alguma entidade para além do BdP?

    Obrigado

  41. Rosa says:

    Boa tarde

    O Meu marido teve várias empresas, através das quais contraiu algumas dívidas com letras a outras.

    Como posso saber se tenho o nome no banco de Portugal e quanto ainda deve?

    Muito Obrigada
    Rosa

  42. joão says:

    olá tenho dividas bancos em Portugal estão em belgica , podem vir penhorar o meu salario aqui na belgica?

  43. celia says:

    Gostaria de saber como posso obter o numero da credinformacoes pois no banco de portugal nao tenho nada mas sei que temos que ligar para a credinformacoes para ver se realmente esta o nome limpo seria possivel me dar essa informacao ou entao como posso saber se esta limpo o nome

  44. Deolinda Maria Fernandes Martins Pinto says:

    boa tarde . venho pedir informação se tenho dividas . no banco de Portugal. obrigada agradeço resposta

  45. Paulo Teixeira says:

    Boa noite,
    Tenho o meu nome no CRC por um credito feito a mais de 6 anos, (pelos vistos é prescrito ao fim de 5 anos), como faço para tirar o nome da listagem CRC.

    Grato pela resposta.

  46. Nuno says:

    Boas, a uns 4 anos atras comprei um carro em portugal e passado 2 anos imigrei e tive dificuldades em pagar, liguei a entidade credora e expliquei a situacao, em vez de ajudarem ainda me aumentaram mais os juros, deixem de pagar ja vai 2 anos, ha risco de ir a portugal e se impedido de viagar no aeroporto? tenho tambem uma divida 100 euros a portugal telecom e disseram me que sou impedido viagar de aviao, e verdade? Agradeco resposta

  47. Pedro says:

    Boa tarde,eu fiz um credito tendo como fiador o estado e,neste momento estou em divida a cerca de 4 meses, o banco informou-me que iria accionar o fundo de garantia para saldar a minha divida,gostava de saber se depois disso o meu nome fica limpo no banco de portugal, nao acontecendo como posso limpar o meu nome ? Obrigado

  48. PAULA RIBEIRO says:

    BOA TARDE, SOU PORTUGUESA TRABALHO 5 ANOS NA MESMA EMPRESA E TENHO UMA PEQUENA DIVIDA COM BANCO PORTUGAL PARA RESOLVER, PRETENDO SABER SE HÁ POSSIBILIDADES DE OBTER UM CRÉDITO PARA LIMPAR A DIVIDA DO BANCO PORTUGAL E PARA OUTRAS SITUAÇÕES PENDENTES. POIS SÓ ASSIM COM UMA NOVA AJUDA DE UM NOVO CRÉDITO COM PRESTAÇÕES FIXAS QUE POSSO VOLTAR A ORGANIZAR MINHA VIDA FINANCEIRA. AGRADEÇO UMA RESPOSTA DA VOSSA PARTE, OBRIGADA!

  49. paula martins says:

    Boa Tarde, gostaria de saber sendo 2 titular de 1 empréstimo para 1 veiculo e se a pessoa no qual é a titular se deixar de pagar as prestações, o que me vai acontecer? O primeiro titular entregou o automóvel credibom , o que pode acontecer ao 2 titular ? Estou a espera de resposta .Obrigado .

  50. cristina sousa says:

    como estou insolvente pessoalmente os bancos t~em instruções de que este “tipo” de pessoas não pode ser gerente de nenhuma empresa nem que seja para movimentar a conta com MB ou net banking,

    Isto é legal?

  51. Eugénio says:

    Tenho varios creditos onde tenho pago sempre só ke minha esposa ficou desempregada e nao consigui pagar um na totalidade da mensalidade tenho depositado metade do valor já tentei que me fizessem um acordo para todos meses Barclaycard naõ aceitou queria saber como posso resolver . Obrigado

  52. Moreira says:

    Pode o banco portugues bloquiar uma conta ao estrangeiro

  53. Luiza says:

    Boa tarde,

    Queria só tirar uma duvida e pode ser muita ignorancia da minha parte, mas existe alguma possibilidade e já nos piores dos casos de uma pessoa ir presa por conter uma divida?? (motivos: desemprego) .

    Obrigado.

  54. Jose Neves says:

    Boas,gostaria que me tirassem uma duvida,tinha o meu nome no banco de portugal,no qual já paguei tudo e o meu nome esta limpo,gostaria de saber quanto tempo demora a ser retirado essa informação das financeiras para pedir de novo um credito.Obrigado pela resposta.

  55. Dina Lourenço says:

    Boa tarde,

    Tenho varios creditos em meu nome,tenho o meu nome no banco de portugal (lista negra).
    Como posso negociar com o banco de Portugal. Agradeço resposta ao meu e-mail.

    Muito Obrigada.

  56. Nuno says:

    Boas, tenho uma divida em portugal de um automovel, resido na inglaterra, podem fazer alguma coisa estando eu aqui??? Obrigado

Deixar um comentário