eKonomia

Gerir melhor o seu dinheiro

Crédito moto

Caros amigos,
ter uma moto pode ser um simples método de transporte para alguns e um modo de vida para outros, mas todos  nós concordamos da liberdade de movimentos que só uma duas rodas pode ter !

Antes de pensarem em comprar uma moto, há que ter em conta o tipo de utilização que se irá fazer dela. Se diária, se terá pendura, se fizer auto-estrada, se andar na cidade, se vaguear pelos pinhais,  em poucas palavras, ter o cuidado em não comprar uma touring se vai essencialmente circular pelas ruas de Lisboa. No meu caso especifico a minha escolha foi para a Kawasaki ER 6 N. Escolhi este motociclo por uma simples razão: associa um design agressivo, aí saltou logo o meu lado emocional, mas também por ser extremamente fácil de manobrar e leve, o que faz dela uma boa moto para iniciar. Tinha ponderado uma honda hornet, mas o motor da CBR é um tanto perigoso para um principiante. Para além de que tive a oportunidade de fazer um test drive! Broaaaaaaaaar!

credito moto

Encontrado a moto ideal para mim fiz-me a vida, (e as contas) faltava “apenas” compra-la…  Visitei vários stands, e descobri que esta moto usada do ano de 2007 custava  5000 euros. Pois bem, nova custa 6000 euros ! Deu para pensar… Se quer fazer um bom negócio no mercado dos usados, o melhor é procurar nos particulares, sem esquecer claro de fazer uma visita ao mecânico antes de assinar o contrato de compra e venda.

O que deve ter em conta  no momento de pedir o empréstimo:

Um factor muito importante quando se quer iniciar o processo de crédito é a tal sinalização da moto. Quanto menor o valor da sinalização que puder dar para “guarda-la para si” melhor. Isto por uma razão muito simples, está sujeito a ficar sem ele!

Passo a explicar: legalmente quanto assina o contrato de promessa e venda tem um prazo de 8 dias para efectuar a compra da referida moto.

Isto é, o crédito tem de ser aprovado antes do fim desse período, se não poderá com toda a legitimidade ficar sem o dinheiro do sinal! Eis a razão para dar quanto menos melhor no momento da sinalização. No entanto, os stands podem agir num acto de boa fé e devolver-lhe a quantia da sinalização.

Documentos necessários para efectuar o empréstimo:

  • carta de condução do futuro titular da moto.
  • BI
  • contribuinte
  • ultima declaração de IRS
  • 3 últimos recibos de vencimento
  • comprovativo de morada com menos de 2 meses. (factura de gás, luz, Internet, agua por exemplo).

Caso real de crédito moto: (Julho/Agosto de 2009)

Há relativamente pouco tempo, tinha intenções de comprar uma moto em primeira-mão, pelo que dei inicio ao processo. O crédito acabou por ser recusado, sendo apenas aprovado em regime ALD e com fiador.

Porque razão o crédito fora recusado? Eis algumas pistas :

A minha situação era a seguinte. Tinha começado a trabalhar à 3 meses, já tinha um crédito (crédito formação universitário) de 5000 euros, e o meu ordenado base era de 800 euros. Penso que o credito fora reprovado por começar a trabalhar à relativamente pouco tempo e o facto de já estar endividado também não ajuda muito. Para além de ter 25 anos e não ter qualquer tipo de bem penhorável a não ser a moto, isto se efectuasse a compra. Mas neste caso visto não ter qualquer bem, através da modalidade ALD (Aluguer de Longa Duração) a moto ficaria em nome do banco sendo eu apenas um simples locatário desta. A principal diferença entre ALD e leasing é o facto que no leasing, no fim do pagamento do crédito existe a possibilidade de ficar a ser proprietário da moto, no caso do ALD isso não é possível.

Valores que os bancos vão ter em conta para lhe conceder um empréstimo:

Irão analisar os seus movimentos bancários a fim de saber que tipo de pessoa é. Isto é se é do género poupado ou do género impulsivo.




Essas informações caso não esteja a pedir o crédito directamente ao seu banco, estas serão facultadas pelo Banco de Portugal. Obviamente, o seu rendimento, bens e gastos são importantes. Não conheço a fórmula exacta para calcular se é um cliente de risco ou não mas com estes indicadores já podemos ter uma ideia.

Vantagem de fazer um crédito no stand:

Grande vantagem de fazer um crédito no stand é sem duvida a rapidez do processo de credito. No meu caso obtive resposta em menos de 48 Horas. Para além de que a TAEG (taxa anual efectiva global) ser menor do que a facultada pelo meu banco.

Caso no stand Kawasaki com parceria com o Banco +

No exemplo da compra de uma moto no valor de 5985,00 euros mais as despesas de documentos (matricula) de 230 euros.

Para um empréstimo de 4536 euros (com despesas de documentação da moto e despesas do dossier do credito e do imposto selo pago a parte e com sinalização de 1000 euros) o crédito à 36meses da prestação mensal durante esse período será de 161,39 euros.

Mesmo valor de 4536 euros mas agora em 60 meses:

Prestação mensal de 109,38 euros. TAEG de 16,24 %.

Reparamos que quanto maior o prazo, menor a TAEG. Mas atenção isto poderá induzir em erro, pois o preço final que terá desembolsado será também superior.

Fazendo as contas:

136,39 euros x 36 = 4910,04 euros
109,38 euros x 60 = 6562,80 euros

Como podemos ver para um empréstimo de 4536 euros à 36 meses a menos valia será de 374,04 euros, o que é bastante aceitável. Com a opção dos 60 meses a menos valia será de 2026,80 euros. Estes são valores a ter sempre em conta no momento do empréstimo.

Outros valores a ter em conta:

Comissão de dossier : 100 euros
Imposto de selo : 27,22 euros

Estes valores, como os 230 euros de despesas de documento (matricula) podem ser englobados no crédito.

6 commentários para “Crédito moto”

  1. Fabio says:

    Bons dias por experiência propria e pela minha situação actual evitem de pedir emprestimos ao banco não vos compensa, é preferivel todos os meses ir pondo um X de parte e ao final de 2 anos ir buscar a moto de sonho, a minha situação foi a seguinte pedi emprestimo nao precisei de fiador por estar efectivo na empresa mas comprri uma dtr de 2008 a credito e o valor da moto total era de 3900€ claro que com credito e 150€ mes durante 3 anos se nao estou em erro foi me dar um valor total de 6000€, entrtanto acabei de pagar e troquei a por uma honet600, passados dois anos vendi a hornet porque o valor me fazia falta, e passado um tempo voltei a fazer um novo credito ao banco por estupides, no valor de 7500€, falhei uma prestaçao, desse valor com juros o valor total me ficou no dobro, quase 16000 €, ainda hoje me devem faltar uns 6000 para pagar, por isso me arrependo tanto de pedir emprestimos e me está a dificultar a vida, e twnho hoje 28 anos a divida deve ficar paga aos meus 30, por isso vos digo, juntem e usem decisões sábias, e não com a tesão do mijo.. abraços e tenham decisões sábias abraços

  2. fernando correia says:

    boa tarde eu neste momento não posso fazer creditos mas preciso urgentemente de comprar uma mota o maximo que posso pagar é de 150 euros por mês alguem me pode ajudar o meu contacto é 915870877

  3. ivo pinheiro says:

    procuro moto honda hornet ou cbr 600f o entao 125 dtr facilidades de pagamento obrigado

  4. Raul Fernandes says:

    Olá.. será que podia ajudar-me…
    Eu sou atleta do Sporting, eu Ganho 250 euros mensais.. eu Fiz agora 18 anos e tou ap ensar em tirar a carta de mota Até 600cc.. e tive a ver e quero Comprar a kawasaki ninja ZX-6r… e Gostava de Saber se poderia ajudar.me em relação o que devo fazer para comprar a mota, é que eu nao percebo muito destas coisas….. Agradecia muito a sua ajuda

  5. Ricardo says:

    No meu caso, estou a recibos verdes há menos de 2 anos e embora possa pagar perfeitamente o crédito, o meu banco pede-me fiador. Como não consigo arranjar estou na iminência de não ter a mota por causa disso. Existe alguma maneira de contornar isto? Algum banco que não seja tão exigente??

  6. Humberto Salgueiro says:

    obrigado pelo post , a tua situação foi praticamente igual á minha em tudo , idade , mota er6n , ajudou a poder uma boa noçao do que esperar em caso de empréstimo, alguns créditos são tão abusivos que nem deixam fazer os pagamentos em menos meses o que em pedidos de 6000 no fim pagasse 9000

Deixar um comentário